Conto Erótico De Incesto Pai e Filha

A gostosinha flagrou a irmã transando com seu pai safado e decidiu narrar todo o flagra nesse conto erótico adulto pra galera.

Eu era mais velha que minha irmã Aline apenas 1 ano, e tinha apenas alguns quilos a mais… Do resto éramos bastante parecidas. A gente brigava como qualquer irmã, porém na maioria das vezes uma dava proteção à outra; principalmente quando era pra esconder que a outra tinha ido transar com o namorado no fundo do nosso quintal. Com dezoito anos, eu tinha mais liberdade do que a Eva, e costumava dizer que ia dormir na casa de alguma colega pra ir pro motel com meu namorado. Como minha avó andava meio doente, minha mãe em combinação com suas outras irmãs revezavam cada uma ficar durante uma semana tomando conta dela. Era a semana de a minha mãe ficar com minha avó, e na sexta-feira sai de casa com a intenção de ir com meu namorado no motel. Mas acabamos brigando e peguei um táxi chegando em casa passando das 11 horas da noite. Achando que todos já deviam estar dormindo, fui caminhando pro quarto onde eu e Aline dormíamos, quando de repente parei ouvindo vozes. No corredor escuro, me aproximei da porta entreaberta do nosso quarto e fiquei paralisada vendo uma cena difícil de acreditar. Meu pai sentado na cama da Aline, e ela com o rosto praticamente no seu colo fazia movimentos estranhos… Custei perceber que ela estava chupando o pinto do nosso pai… Comecei a prestar mais atenção.
– Oooooh filha, como você chupa gostoso…
Quando meu pai pediu pra que ela parasse de chupar e que fui ter noção do tamanho do seu pinto… Bem mais de 20 cm. Parecia que Eva já estava acostumada, pois ela rapidamente, nua da cintura pra baixo, ficou de quatro sobre a cama e meu pai de pé ao lado da cama segurou-a pela cintura e foi colocando seu pinto.
– Aaaaiiii pai… Aaaaiiii… Adoro seu caralho… Enfia tudo… Aaaaaiiii… Aaaaaiiiii…
E meu pai socava com vontade aquele enorme cacete na buceta da Aline que logo gritou que ia gozar. Voltei com todo cuidado pra sala, e lá abri a porta e bati com força pra fazer barulho propositalmente. Logo apareceu a figura do meu pai no corredor, ainda arrumando as calças que tinha uma enorme mancha na frente.
– Ah! É você Cristina?… O que houve?
– Nada pai… Resolvi voltar pra casa.
Entrei no quarto e Aline estava toda atrapalhada vestindo o short do seu pijama. Tranquei a porta e fui logo querendo tirar tudo a limpo.
– Sua puta safada; eu vi tudo.
– Viu o quê Cristina?…
– Você dando pro nosso pai.
– Que isso, ficou louca?…
E eu mostrando uma mancha no chão, de um líquido perto da sua cama.
– E isso daí no chão… Foi onde o pai gozou, foi?…
E ela acabou confessando que nosso pai fazia sexo com ela a mais de três meses.
– Porque você nunca me contou?
– Não podia Cristina… Tinha medo de arrumar confusão na família.
E ficamos conversando por um bom tempo, contando em detalhes o que tinha visto e Aline foi contando também com detalhes como tudo começou… Fiquei chocada quando ela contou que nosso pai também metia no cuzinho dela. Nós duas sempre tivemos o cuidado de transar com nossos namorados com camisinha. Mas Aline disse que nosso pai sabia meter sem que tivesse perigo dele gozar dentro. Eu deitada na minha cama sentia minha buceta latejando de vontade de dar uma boa fodida. Comentei que tinha visto o tamanho do pinto do nosso pai, e Aline percebendo minha mão alisando minha xoxota por cima do tecido da minha calça.
– Você teria coragem de transar com nosso pai, Cristina?
– Eu???? Não sei… Acho que não…
– Boba; é gostoso… Tem dia que ele me faz gozar duas vezes seguidas.
– É?????… Caramba; o Júlio (meu namorado) muito mal me faz gozar uma vez.
Custei a dormir naquela noite. No sábado voltamos a conversar sobre nosso pai, e Aline voltou insinuar que eu devia também transar com ele. Conversa vai e conversa vem, e a putinha da minha irmã foi dando ideia de como eu tinha que fazer; que ela mesma ia falar com nosso pai. O pai chegou da rua quase anoitecendo, e conforme combinado com a Eva fiquei pelada da cintura pra baixo e deitei na minha cama virada de frente pra parede e com a bunda pra porta; fiquei aguardando. Parece que demorou uma eternidade pra ouvir passos de uma pessoa entrando no quarto. Logo senti uma mão alisando minha bunda.
– Tá dormindo?…
– Não pai…
– A Aline me contou que você viu nos dois ontem a noite.
– Vi sim pai…
Ele beijando minhas nádegas.
– Você gostou do que viu?
– Gostei!…
– Tá com vontade de fazer o mesmo que sua irmã?
– Tô sim…
Quando me fez virar de frente, ele já tinha colocado seu pinto duro pra fora da calça. Eu olhando o pinto do pai ali de tão perto, parecia que era maior do que imaginei. Ele passando o dedo na minha bucetinha já toda encharcada de tesão.
– Quer chupar também, igual a Eva?
O estranho é que eu não estava com vergonha de estar pelada na frente do meu pai; mas fiquei com vergonha de colocar a boca no seu pinto e começar a chupar.
– Isso filha… Chuuuuupa… Chuuuuupa…
– Agora fica de quatro, fica!…
Como tinha visto a Aline ficar, fiquei de joelhos da beira da cama com minha bunda virada pro meu pai que de pé foi pincelando até achar a entrada… Quando senti aquela coisa dura entrando na minha buceta, não consegui me segurar.
– Mete pai… Mete… Iiiiissssso…
E quando ele iniciou o vai e vem todo meu corpo começou a tremer até chegar o meu primeiro orgasmo. Mas ele continuou metendo por vários minutos que tive outro orgasmo antes dele tirar da minha buceta e ficar esfregando seu pinto na minha bunda e gozando. Tive que correr pro banheiro pra me limpar, vendo que Eva tinha ficado na porta assistindo nosso pai me comer. Voltei toda acanhada encontrando meu pai ainda sentado na minha cama com Eva no seu colo alisando seu pinto que naquele momento estava mole… Ela rindo pra mim.
– Não disse que você ia gostar?
Meu pai fez Eva sair do seu colo indicando pra que eu sentasse ali.
– Gostou mesmo Cristina?…
– Gostei pai…
Ele pegando minha mão e me fazendo segurar seu pinto.
– Nada de comentar com ninguém; combinado filha?
– Tá pai… Pode deixar.
Ele me beijando na boca e virando pra Aline que estava do seu lado e também lhe beijando.
– Quero que as duas fiquem peladinhas, que eu volto bem rapidinho.
Eva foi tirando toda sua roupa e eu tive que somente tirar minha blusa e o sutiã. Ele voltou em menos de cinco minutos peladão e sentou entre nós duas pra ficar mamando nos peitos de uma e depois da outra. Voltou a beijar nossas bocas e reclinando o corpo pra trás mandou que nós duas começássemos a chupar seu caralho. O pau dele ainda estava meio mole quando minha irmã toda eufórica começou a chupar… Quando ele pediu pra ela deixar que eu também chupasse, seu pinto já estava bastante duro… Chupei por quase dois minutos pra novamente deixar a putinha da minha irmã voltar a chupar. Depois de uns cinco minutos fazendo boquete no nosso pai, ele mandou que ficássemos de quatro na cama. Primeiro ele enfiou tudo da minha buceta e deu umas vinte socadas, pra tirar e enfiar na Aline e também socar bastante… Minha irmãzinha puta teve seu orgasmo primeiro, e eu, fui ter o meu terceiro orgasmo depois que ele me fodeu por mais de dez minutos. No domingo, antes de sairmos pra almoçar fora, esperei minha irmã tomar banho pra depois eu ir. Ao chegar no quarto tive que ficar olhando meu pai pelado chupando a bucetinha da Aline que gemia feito uma cadelinha no cio. Sem nenhum pudor sentei do seu lado e segurando seu pau duro abaixei meu corpo e comecei a chupá-lo. Eva gozou e ele passou a dar atenção pra mim, me mandando sentar no seu pau. Foi a primeira vez que fiz naquela posição, de abrir minhas pernas e ir descendo meu corpo até encostar minha buceta na ponta do seu pau grosso.
– Isso filha, agora desce… Desce mais… Asssimmmmm…
Que delicia sentir minha bucetinha escorregando no caralho do meu pai até sentar no seu colo. Ele segurando-me pela cintura me fez ficar subindo e descendo até que não aguentei e sentei de vez pra ter um delicioso orgasmo. Ele ainda teve folego pra subir sobre o corpinho da Aline e fodê-la com força fazendo-a gemer muito e ter um novo orgasmo. Na semana que minha mãe foi novamente pra casa da minha vó, logo no primeiro dia tivemos que ir pro quarto do meu pai que novamente deu conta de nós duas. No segundo dia, depois dele me comer bem gostoso, tive que ficar assistindo ele meter na bundinha da da minha maninha que demonstrava estar adorando tomar no cuzinho. Faltava apenas dois dias pra nossa mãe voltar, e nada do meu pai pedir a minha bundinha… Tive que eu mesma pedir pra ele me comer por trás. E ele atolou seu pau no meu rabo e ficou bombando até gozar muito dentro do meu cuzinho que ficou ardido por uns três dias. Minha irmã continua namorando e meu pai sabe que ela transa com ele, de camisinha até quando é na bunda. Mas eu, faz mais de um ano que terminei e só estou transando com meu pai.

20150925074814-1

20150925074814-2

20150925074814

20151104194007-1

20151104194007-2

20151104194007

Relacionados

2 comentários para “Flagrou a Irmã Fazendo Sexo Com Papai Tarado

  1. Alec • 11 de janeiro de 2017

    Uma a gostosas dessa ate eu queria comer.Tenho minhas enteadas q são maiores de idade ate sonhei comendo elas mas só sonho mesmo.Fico na punheta.São bonitas gostosas corpo delicioso fazem academia ha pouco tempo mas sempre foram deliciosas. Eu 44 anos 18 cm de pica moreno discreto 1m73 74 kg…vcs são putinhas lindas,corpao

  2. Ferpermicivel 13 de janeiro de 2017

    Nossa,que historia maravilhosa,meus parabens por tudo!!Mesmo sendo anonimo,ainda assim tem muita gente que nao tem coragem para desabafar as proprias vontades com seus pais ou filhas,nao tenho filha,mas sou louco de vontade de ver minha esposa transando com meu sogro.Até ja falei ora ela que eu lhe permitiria dar para ele,mas ela ainda nao te e coragem.

Deixe seu comentário

O Maior, Melhor e rápido site de FOTOS AMADORAS do Mundo! Selecionamos sempre as melhores fotos amadoras de mulheres nuas da atualidade. Contos eróticos, fotos de novinhas, fotos de casadas, quadrinhos eroticos, quadrinhos porno e fotos de coroas gostosas sempre selecionadas a dedo. Para quem curte contos eróticos com fotos, fotos de amadoras gostosas, mulheres peladas e várias outras gostosas, temos sempre o melhor conteúdo atualizado diariamente! Baixe fotos de gostosas, fotos de casais, imagens de sexo, quadrinhos porno, animes pornos, fotos porno e muito mais aqui em nosso site! Buscamos sempre o melhor conteúdo para que nossos usuários possam desfrutarem sempre de algo com qualidade e melhor de tudo, é Grátis! Sabemos que um grande números de pessoas pesquisam todos os dias na internet por fotos grátis, contos erotico, e quadrinhos de sexo e muito mais. Navegue a vontade por nossas categorias porno e favorite o site para acompanharem sempre nossas atualizações diárias.


© 2018 - Fotos Amadoras – Fotos De Sexo Caseiro – Fotos De Novinhas – Contos Eroticos