Conto Erótico Filha e Pai Fodendo

O pai flagra vídeos íntimos no celular da sua filha que alguns meses atrás havia sido filmada na putaria com amigos. A gostosinha já tinha até esquecido do acontecimento mais ai reencontrar o celular algo a mais aconteceu, confiram…

Sempre fui muito safada, e desde mais novinha gostava de fazer sacanagens com namoradinhos e até com alguns amiguos que eu tinha próximo à minha casa. Estava no último ano do ensino médio em uma escola técnica no curso de informática e foi formada equipes pra elaboração de um sistema de computador voltado para “venda a varejo – loja”. Eu (Edna) e minha colega Beth, escolhemos o Vitor e o Léo pra formarmos nossa equipe. Aproveitamos os finais de semana; principalmente os sábados, pra nos reunirmos na casa de uns dos membros da equipe para desenvolvermos os programas.

Passamos a gostar da casa do Vitor, porque seus pais sempre iam passar o final de semana em um sítio e podíamos ficar mais a vontade. Passamos a ficar tão a vontade que não demorou pra tirarmos pelo menos uma hora pra fazermos algumas brincadeiras. Brincadeira vai e brincadeira vem, eu e Beth passamos a chupar os caralhos dos dois e deixa-los brincarem de chupar nossos peitinhos. Eu já não tinha mais cabaço, mas Beth ainda era virgem e tinha medo de deixar os garotos colocar na sua bucetinha…

Combinamos de deixar só na bundinha. Com 18 anos, eu tinha um corpo durinho e como meus amigos diziam, eu era bem tesudinha… Quase todos os sábados, quando estávamos na casa do Vitor, chegávamos até a ficar os quatro pelados na cama do quarto do Vitor na maior putaria, onde valia de tudo, menos sexo vaginal. Estava de quatro chupando a pica do Vitor e com o Léo cravado na minha bundinha, quando a filha da puta da Beth pegou meu celular e nos filmou por uns 2 minutos. Ela simplesmente largou meu celular de volta sobre a cama e veio participar da sacanagem e não me falou que tinha me filmado chupando e tomando no cuzinho.

Quase um mês depois, fiquei louca procurando meu celular dentro de casa e não o achei de jeito nenhum… Até meus pais me ajudaram a procurar. Ir pro colégio sem o celular, foi como se estivesse faltando uma parte do meu corpo. Quando na volta pra casa, estava no meu quarto e meu pai entrou com meu celular na mão, dizendo que o tinha achado caído na lateral do sofá da sala. De tanta alegria dei um monte de beijos no meu pai, que muito sério falou que tinha visto um vídeo no meu celular e que eu teria que explicar direitinho o que estava fazendo com aqueles dois garotos. Não entendi patavina nenhuma, mas, rapidamente ali mesmo na frente do meu pai acessei onde deveria estar o tal vídeo e acionei. Quase cai pra trás ao ver o conteúdo do vídeo, e rapidamente cheguei a conclusão de que tinha sido a puta da Beth quem fez aquela sacanagem comigo.
– O que é isso Edna?…
– Meu Deus pai… Eu não sei como isso aconteceu.
– Ué! Você pelada com esses dois garotos e não sabe o que aconteceu?
– Foi… Foi… Minha colega que filmou pai… Eu não sabia!
– Porra Edna; ainda por cima sem camisinha?
Quando no meu desespero falei que só deixava atrás, ele sem nenhum rodeio.
– Foi só na bundinha; é isso?
– Foi pai… Foi só na bundinha.
– E ainda é virgem?
Aí que fudeu tudo. Disse que não, mas que com aqueles garotos eu e minha colega só deixávamos colocarem atrás.
– E chupar também, não é?…
– É pai… Também!…
Ao mesmo tempo em que disse que não ia fazer mais aquilo, implorei pra que elei não contasse nada pra minha mãe. Depois liguei pra Beth falando da merda que tinha acontecido e que estava até com vontade de mata-la, me pediu mil desculpas. Naquela noite não conseguindo dormir, fiquei com o abajur acesso pensando na vergonha que eu teria que encarar meu pai dali pra frente. Passava de 1 hora da manhã, quando fiquei assustada vendo meu pai entrando no meu quarto.
– Ainda acordada?
– Tô pai…
– Por minha causa, não é?
– Tô com vergonha…
Ele sentando do meu lado.
– Não fique tão preocupada filha; eu até entendo que muitas meninas na sua idade gostam de fazer essas coisas.
– Eu sei pai… Mas a Beth nunca devia ter gravado sem o meu consentimento.
Ele sorrindo.
– Pensando bem, até que gostei de ver você peladinha!…
– Que isso pai?
– Só não gostei de ver aqueles dois também pelados com a minha filhinha.
Vendo que ele continuava sorrindo, fui ficando mais tranquila.
– Prometo que não vou fazer mais, tá?
– Pode fazer filha… É só tomar cuidado pra não fazer com qualquer um, combinado?
Foi a minha vez de sorrir.
– Combinado pai… Pode deixar.
Sentei na cama e novamente dei um monte de beijos no seu rosto. Ele segurando meu rosto, e sempre sorrindo.
– Você deixa te dar um beijo na boca?
– Ahammmm? Na minha boca?
– É, estou com vontade de dar um beijinho nessa boquinha linda do papai.
Sem responder, fiz um biquinho e ele me deu um gostoso beijo na boca e ao mesmo tempo fez um leve carinho no meu peitinho por cima do tecido do pijama.
– Nossa pai…
Ele me dando mais uns três beijinhos rápidos na boca.
– Vai ser segredinho nosso; tá?
– Tá pai…
Na noite seguinte, ele novamente entrou no meu quarto pra me dar boa noite me dando um beijinho na boca e puxando as alças do meu pijama deixando meus dois peitinhos pra fora. Deu um beijinho em cada peito e novamente beijando minha boca.
– Boa noite filha… Te amo muito.
– Também te amo, pai.
E meu pai passou a ir todas as noites no meu quarto pra me desejar uma boa noite e ia avançando cada vez mais… E eu adorando aquelas sacanagens que ele ia fazendo comigo. Duas semanas depois, enfiando a mão por baixo do lençol puxou o short do pijama até meus joelhos e puxou também a calcinha, começando a brincar com os dedos na minha bucetinha… Eu gemendo baixinho.
– Paaaaiiiiii???? Hummmmm… Hummmmm…
Ele também falando baixinho.
– Quer gozar? quer?
– Quero pai…
Ele enfiou dois dedos na minha bucetinha e passou a socar sempre olhando pro meu rosto.
– Vai filha… Goza… Goza…
– Tá vindo pai… Tá vindo… Ooooohhhh… Ooooohhhh… Mais… Maaaaiiissss…
Tive um delicioso orgasmo, sentei na cama praticamente pelada da cintura pra baixo e abraçando meu pai dei-lhe um beijão na boca. Ele passando a mão nas minhas nádegas.
– Você deixa o papai botar na sua bundinha?
– Agora?
– Daqui a pouco eu volto, tá?

Somente uma hora depois; 11 horas da noite, ele novamente entrou no meu quarto e trancando por dentro veio tirando seu pinto pra fora do pijama… Arregalei os olhos vendo aquele enorme pinto bastante grosso que achei que não ia nem aguentar toda aquela jeba. Fiquei de quatro na beirada da cama, e ele em pé segurou-me pelas ancas e foi empurrando seu enorme pinto depois de molhar bastante com saliva… Quase desabei na cama quando senti aquela tora entrando pra dentro do meu cuzinho. Ele tapou minha boca com a mão pra abafar meus gritos e foi enterrando tudo até encostar seus pentelhos na minha bunda. Só depois que ele deu mais de vinte socadas no meu cuzinho é que tirou a mão da minha boca me deixando ficar gemendo.
A cada socada eu gemia baixinho sentindo um tesão louco e bem gostoso.

Ele com suas mãos na minha cintura socava cada vez mais forte fazendo todo meu corpo balançar, até que parou e ficou gozando bastante dentro da minha pequena bundinha. Passei a mão na minha calcinha, e colocando-a dobrada sobre meu rabinho sai correndo pro banheiro tomando cuidado pra ser vista pela minha mãe, caso ela estivesse ainda acordada. Na semana seguinte, quinta-feira ia ser feriado e minha mãe que tinha uma loja de roupas junto com minha tia disse que elas iam até São Paulo aproveitar pra fazer algumas compras pra loja. Pelo olhar e pelo sorriso que meu pai me lançou, logo imaginei o que passava pela sua cabeça. Na quinta-feira, assim que ela saiu de casa, corri pra sala sentando no colo do meu pai que me beijou muito. Só que tivemos que ficar por quase uma hora sentados no sofá (beijando muito) esperando minha mãe ligar pra dizer o horário que ele pegou o ônibus pra São Paulo. Assim que ela ligou meu pai foi tirando sua calça e sentando no sofá mandou que eu chupasse seu pau. Chupei por alguns minutos, e ele tirando meu short e minha calcinha me fez ficar de joelhos sobre o sofá vindo com seu pauzão duro esfregando na minha bucetinha.
– Enfia pai… Enfia… Me fode gostoso vai
– Quer dar a bucetinha pro papai, quer?…
– Quero… Quero sim…
Novamente tive que urrar muito quando meu pai enfiando seu pau grosso na minha pequena bucetinha foi me alargando cada vez mais, até só deixar o seu saco pro lado de fora.
– Aaaaiiiii… Aaaaaaiiii paizinho… Mete… Mete…
Meu pai ia socando gostoso na minha bucetinha, que, minutos depois era eu quem estava praticamente sentada no seu pau pulando feito uma cabrita e gritando feito uma louca.
– Aaaaiiii… Aaaaiiii meu Deus… Vou gozar pai… Vou goooozarrrr…
Gozei gostoso, e ele me fazendo voltar a ficar de quatro enfiou seu pau novamente na minha bucetinha socando por vários minutos, até tirar e enterrar numa só socada no meu rabo e começar a gozar.
– Hummmmm… Hummmmm… Que cuzinho gostoso…
Quando minha mãe retornou no domingo a noite, eu estava com a minha bucetinha e minha bundinha toda ardida de tanto trepar com meu pai. Passados três anos, apesar de já ter tido vários namorados e transado com todos eles, continuo até hoje gozando muito com meu adorado paizinho.

Em breve compartilharei mais contos eroticos onde eu e meu pai sempre fodemos muito.

conto-erotico-com-pai-1

conto-erotico-com-pai-2

conto-erotico-com-pai-3

conto-erotico-com-pai-4

Relacionados

3 comentários para “Pai Flagra Vídeos Íntimos No Celular Da Filha e Acaba Fodendo a Gostosa

  1. Carlos • 27 de novembro de 2016

    Belo conto!!!!

  2. joilo • 28 de novembro de 2016

    eu adorei eu também comecei a da a bundinha bem novinho mas eu foi pra um irmão e pra os amigos dele e depois pra um tio mais ai eu já tava bem grandinho eu adoro um pau

  3. Alec • 10 de Janeiro de 2017

    Cachorrinha putinha gostosa.Eu tenho duas enteadas u,a de 21 e outra de 18 anos,duas gostosas,tenho tesão pra fode las gostoso igual como a mãe gostosa delas.Falta coragem e iniciativa delas aí…fotos suas maravilhosas. Bem q seu pai podia dividir essa delicia q é VC …sou de SP região do Abcdm

Deixe seu comentário

O Maior, Melhor e rápido site de fotos amadoras do Mundo! Contos eróticos, fotos de novinhas, fotos de casadas e coroas gostosas sempre selecionadas a dedo. Para quem curte contos eróticos com fotos, fotos de amadoras gostosas, mulheres nuas e várias outras gostosas peladas, temos sempre o melhor conteúdo atualizado diariamente! Baixe fotos de gostosas, fotos de casais, imagens de sexo, quadrinhos porno, animes pornos, fotos porno e muito mais aqui em nosso site!


© 2017 - Fotos Amadoras – Imagens De Sexo Caseiro – Fotos Amadoras de Novinhas