Filhaseduziu seu pai

Conto de incesto a louca relação entre pai filha e madrasta em um incesto porno real com papai safado de muita sorte. Sempre que temos novos contos de incesto reais nossos usuários adoram. Enfim confiram o conto de incesto a seguir que é realmente demais e totalmente verdadeiro.

Casei cedo, tive 5 filhos e a puta da minha mulher fugiu com outro. Ela já me traia a tempos e quando engravidou do amante e fugiu,largando os filhos e a mim, criei eles quase sozinho.
O tempo passou, os filhos cresceram alguns casaram outros ficaram, entre eles minha adorável filha Fernanda que é a mais bonita de todas.
Tive namoradas, elas sempre implicavam com as crianças. Decidi então ser seletivo, a mulher que quisesse ficar comigo tinha de respeitar meus filhos e eles a ela.
Claro que eu dava banho neles, os trocava, preparava mamadeiras e só tinha uns 20 anos.
Fernanda sempre foi a mais ligada a mim, e a que menos deu dor de cabeça.

Continuei minha vida, os negócios prosperaram, nos mudamos para uma casa maior.
Fernandinha já estava mocinha, e sempre curiosa, ela espiava furtivamente minhas transas com as namoradas.
Ela sempre sentava em meu colo e agora uma moça continuava a fazer. Era no escritório, na TV, na sala ou se deitava comigo na cama. Pensei que era minha impressão, mas a Fernanda estava ousando cada vez mais. Na sala de visitas ela se sentou no meu colo de pijama curto, short e blusa na frente da namorada que estava ao meu lado. Ultimamente ela sempre me deixava de pau duro e claro q ela sentia e sabia o que era, pois já tinha me visto fazendo sexo várias vezes.

No dia seguinte de novo sentou em meu colo e colocou minha mão em cima da boceta dela. Quando passou na Televisão cenas de sexo ela respirava mais forte e esfregava a boceta e a bunda no meu pau que já estava duro. Minha mão acariciava aquela boceta, ela gemeu aumentei o movimento da mão em sua boceta só que agora em seu grelinho. Ficamos nisso pois meu outro filho chegou e tivemos que parar. Mas tarde passei pelo quarto dela, estava fechado e entrei no meu, aí ouvi um barulho de chuveiro em meu banheiro. A porta estava aberta, fui olhar e vi Fernanda tomando banho, parecia um ensaio erótico, se esfregava com espuma de bucha, lavava seus mamilos, sua xoxota quase toda já depilada e seus cabelos. Quando ficou de costas pra mim e se abaixou pra eu poder ter uma visão por trás de sua bunda e sua boceta, quem olhasse acharia que era uma mulher de mais de 25 anos. Bati uma punheta ali e terminei no quarto pensando ela é uma mulher perfeita!

No dia seguinte, na poltrona vendo TV ela sentou em meu colo, usando um shortinho largo e uma blusa transparentes e decotados de onde via seus mamilos e parte de sua xaninha. Os irmãos já se acostumaram a ela fazer isso que nem notaram. Quando os irmãos foram se deitar, ela se ajeitou atravessada em meu colo, pernas para meu lado direito e cabeça do meu lado esquerdo e começou a ralar sua xana e bunda contra meu pau duro. Disse q estava com calor e tirou a blusa, na hora ataquei seus seios e chupei com vontade, ela ajeitou meu pau pela perna do short e o conduziu até sua boceta. Na primeira investida ele parou na entrada, meu pau tem cabeça grande e não entraria fácil ali; ela tirou o short e meu calção ficou de frente pra mim e tentou em vão que a comesse naquela hora.

Ela me beijou de língua como uma mulher experiente, e quando viu que não seria fácil meu pau entrar nela, me fez um boquete na sala até eu gozar em sua boca. Sem eu esperar ela engoliu e depois lambeu meu pau, aquilo me deixou louco de tesão.
Fernanda levantou-se nua pegou seu baby doll e subiu me dando um “boa noite”; foi uma visão incrível ver aquela mulher linda, fogosa e gostosa, nua subindo as escadas.
Resolvi ficar um pouco mais lá embaixo enquanto ouvia o chuveiro dela, tomei água, desliguei tudo e fui tomar uma ducha. Entrei, me refresquei e quando sai só de toalha vejo Fernanda em minha cama sob os lençóis, de susto a toalha caiu e fiquei nu, ela abriu meu lado da cama e vi que estava nua, e sedutoramente me falou:
-Vou dormir aqui hoje! Deixa vai! Não vai se arrepender!
Sob a insistência dela e meu tesão eu cedi a seus caprichos, deitei-me a seu lado. Passou pouco tempo, ela fez conchinha esfregando a boceta em minha bunda, enquanto com a mão direita pegava no meu caralho e o punhetava, falei a ela:
-Se você não parar com isso, vou sair já!
Ela me respondeu:
-Duvido!Você está gostando e sei que quer me foder!
-Doidinha? Sou seu pai!

-Um pai de pau duro, que bate punheta quando vê a filha nua, e está louco pra enfiar essa enorme rola cabeçuda em mim!
-Não fale assim parece uma vadia! Você não é a vaca de sua mãe! Quer que te trate como uma puta?
-É pai, eu quero!! Vem! e vem me foder como fodia suas namoradas!
-Vi quase todas suas fodas com elas, inclusive a última que te chamava de papai e você a chamava de filhinha, Vocês arrasaram! Quero você dentro de mim!
Ela já estava de pernas abertas e boceta arreganhada para mim. Enfiei o dedo em sua boceta e vi que estava apertadinha, então comecei a lamber sua xana seu clitóris, seus peitos, beijei-a de língua muitas vezes e diante de seus gemidos de tesão. Lambi bem a sua xana e grelo e quando ela estava pra gozar comecei a empurrar meu cacete em sua xoxota. A cabeça entrou, mas ela fez cara de dor, ela era virgem com certeza, mas como uma virgem tinha tanta experiência para conquistar um homem?

-Continue papai estoura meu cabaço, me faça mulher! Vai!
-Vamos devagar Fernandinha, não quero te machucar! Talvez seja melhor deixarmos o resto pra amanhã, irmos devagar!
-Sua garotinha só vai sair daqui como sua mulher!Quero ser sua mulher enfia tudo vai, estoura esse cabaço!
Isso me deixou puto e com um tesão que nunca senti antes, enfiei de uma vez! ela gritou! Doeu muito, e até deu pra ouvir o barulhinho do cabaço estourando, eu não liguei para mais nada, chega de falsos moralismos, ali estava uma menina que me pediu pra torná-la mulher. Por mero acaso era minha filha, e se não fosse minha filha certamente era a mulher de convicção que desejaria ter como esposa, bonita, charmosa, inteligente, sensual, auto confiança, era a mulher de meus sonhos e a estava possuindo naquele instante, pena que era a taradinha adoravelmente safada da minha filha Fernandinha.
-Vai papai! Fode sua filhinha putinha! Eu sei que está gostando…eu também! Agora sou toda sua! eu sou sua filhinha, sua vadiazinha, sua putinha e sua mulher! Mete mais forte pai!
-Ah! Estou adorando arrombar sua boceta filhinha! Você não sabe como estou feliz em ter você como minha mulher! Posso ir mais rápido amorzinho?
-Pode sim amorzão da minha vida! Estou feliz por ser sua mulher! Assim…que gostoso…
Ai comecei a socar mais rápido e ela gemia, gritava, falava coisas(acho q os irmãos ouviram, mas nunca tocaram no assunto)
-Fernandinha?
-Que é amor?
-Vamos gozar?
-Vamos papi! Mete mais rápido papai faça sua filhimha gozar!
-Papai vai atender seu pedido filha! Toma assim, assim, que delícia de boceta! Vou gozar…ahhhh…
-Ahhhh! Gozei.. que delicia que é foder papai! Agora sou sua filha, namorada, amante e mulher, não é maravilhoso?
-Muito Fernandinha, e o bobão aqui estava resistindo….
-Valeu a pena papai?
-Valeu e muito filha!
Quando o meu caralho estava sujo de porra e sangue dela, saiu bastante sangue até parar mas a porra continuava a escorrer da bocetinha dela.

Depois da trepada tanto desejada por ela e por mim com o tesão de minha filha, uma coisa me preocupou. Transamos sem camisinha e me preocupei em ter deixado ela grávida, mas ela me tranquilizou, tinha saído do período fértil há dias.
– Pai!
-Fale meu anjo!
-Eu gostaria de continuar a fazer sexo sem camisinha, o sr. se cuida?
-Claro Fernandinha! Você já me viu transando com as namoradas e com elas sempre uso camisinha!
-Ah! É mesmo, mas comigo não vai precisar , né?
-Tudo o que você desejar meu amor, farei qualquer coisa por você! Eu também gosto de sentir o seu contato íntimo direto!
Passaram 2 dias e fomos pra a cama mais cedo! Fernanda estava mais gostosa ainda, não pude resistir a aqueles lindos mamilos e os chupei, nos beijamos apaixonadamente, nossas línguas se devoravam, desci a sua boceta e comecei a lamber, senti o mel da sua bocetinha em minha boca. A lubrifiquei com 2 dedos e quando senti que estava no ponto, vesti uma camisinha e fui penetrando aquele lugar proibido, ela me olhou com desaprovação por ter colocado o preservativo, fiz sinal para acalmar, e comecei a bombar e ela a gemer, me beijar pedir mais, aí parei, tirei a camisinha e a penetrei novamente, entrou tudo e comecei a socar até o fundo, ela novamente gemia, respirava forte e aí lhe perguntei:
-Amor!
-Que é pai? Não para está gostoso!
-Só queria saber uma coisa….
-O que amorzão?
-Preferiu com ou sem camisinha?
-Gostei dos 2 jeitos, mas com você vai ser sempre sem camisinha amor, me fode agora com força!
Na mesma hora, comecei a meter em minha filha bem forte, e se ela ficasse com machucaduras na vagina, foi ela que pediu, e aquela boceta era toda minha!
-Vai,mete me fode papai safado! Come a sua filha, fode ela com força! Sua filhinha quer seu leitinho dentro dela! Que gostoso ! Aiiii…. vou gozar amor…goza comigo ah…que delícia…assim…soca seu caralho em mim, me enche de esperma papai! ahhh….uuuuiuuuu….. sssss…. gozei…!
-Eu também! Você mete muito gostoso! Tenho que fazer uma coisa amanhã!
-o que pai?

Você vai saber, primeiro deixa eu lamber sua bocetinha cheia de leite e mel, fiz isso e ela me beijou e com aquela língua safada tirava o produto de minha chupada de minha boca para a dela.
No dia seguinte liguei para a atual e ciumenta namorada e dei um tempo. Fernanda adorou!
Fernanda tinha uma amiga, que eu sabia que seu pai a comeu também, a Sônia, era linda e sempre me comia com os olhos, ela tinha a idade de minha filha.
E confesso, que sempre tive uma quedinha pela amiga dela, e foi numa minha investida bem sutil, que ela passou a me notar mais e a se interessar por mim. Isso foi antes de meu caso com minha filha. Agora com sexo rolando entre eu e Fernanda, parece que a Sônia ficou mais arrojada comigo, e falava abertamente com a Fernanda que estava apaixonada por mim! Perguntava se ela aprovaria um namoro dela comigo, se eu falava dela, e a minha filha me contava tudo!

A idéia de um relacionamento sério meu com a Sônia amadureceu na cabeça da Fernanda, e ela ao invés de ciúme, passou a ver a situação com outros olhos.
As transas com Fernanda continuavam a toda, e por mim não precisava de outra mulher.
Mas aconteceu da Fernandinha vir a mim com a idéia de me casar de novo, ao que respondi brincando:
-Com você? A lei não permite, não é crime , mas é proibido!
-Pai! Estou falando sério!
-Você já se encheu de mim?
-Não pai! Eu quero continuar a fazer amor com você! mas tem uma pessoa ideal pra você.
-E quem seria?
-A Sônia, minha amiga!
-Puxa! Ela tem a sua idade…

-E pelo menos 3 de suas namoradas tinham a minha idade e uma era 1 ano e meio mais nova que eu! Acho que idade não é o problema! Você não gosta da Sônia?
-Pelo contrário meu anjo, eu adoro a Sônia, admiro e acho uma menina sensacional, isso me pegou de surpresa!
-Meu papai, meu amor, não desperdice essa oportunidade, ela adora você, só fala de você, já disse que seria o homem ideal pra ela.
-Ela é sua melhor amiga, acho linda, interessante, meiga, gosto dela! e eu tinha receio de chegar nela e levar um fora! Acredita nisso? Os 2 se paquerando, se gostando e com medo de levar o fora!
-Então posso falar com ela pai?
-Falar com quem?
-Pai! Quantas Sônias com essa descrição o sr. conhece, ou é ela ou é ela! Vou falar com ela!
No dia seguinte Fernanda em tom de brincadeira, mas maliciosamente me chamou quando a Sônia chegou em casa, e brincou:

-Pai esta é a Sônia, que é gamada em você! Sônia, esse é meu pai que é gamado em você! Feitas as devidas apresentações, deixo os pombinhos a vontade e vou me mandar! Gritem se precisarem de ajuda!
Eu e Sônia ríamos do jeito que a Fernanda nos colocou frente a frente, e mesmo constrangidos tínhamos o que comentar:
-Sua filha é bem divertida…
-Põe divertida nisso Sônia, ela é incrível!
-Acho que vou gritar rsrsrs preciso de ajuda…
-Bom…eu ajudo…posso?
-Claro!
Peguei em suas mãos e olhando em seus olhos lhe falei:
-Sônia, a mulher de meus sonhos!

-Obrigada! Você parece ser bem romântico, agora sabendo que você não vai me dar o fora ficou mais fácil falar.
-Falar o que?
-Que eu sempre gostei de você, mas achava que era inatingível, você é um homem lindo, romântico,educado e….
Calei a boca de Sônia com um beijo que começou normal e logo era de língua,nos abraçávamos forte, beijo após beijo, muito carinho até que fomos interrompidos por palmas, era Fernanda e 2 de meus outros filhos, que ainda gritavam:
-Beija!Beija! Beija!

E…, nos beijamos de novo na frente deles que responderam com aplausos e assovios.
Depois dessa farra ficamos a sós e Sônia me disse que queria um relacionamento sem mentiras, a que eu retruquei, “-e eu um casamento cheio de alegrias!”
Sônia adorou quando falei de casamento! Ela me contou do pai com ela, de namorados, e eu da mãe de meus filhos, das namoradas enciumadas.

No dia seguinte tivemos nossa 1ª transa, transa não, fizemos amor pela 1ª vez e foi em um hotel em uma cidade vizinha, e de lá, resolvemos que viveríamos em ritmo acelerado e para mostrar que não era brincadeira nos casamos em 1 Mês, a situação tinha melhorado e passamos nossa lua de mel no exterior por 28 dias.
Voltamos e fomos morar em minha casa, junto com Fernandinha e os irmãos. Fernanda nos recebeu aos beijos e quando me abraçou falou em eu ouvido:
-Papai safado! Agora tem outra bocetinha para meter não vai querer saber da minha!
-Vai ver se não quero minha linda…
Naquela noite Sonia dormiu de exaustão pela viagem de 13 horas de avião, aproveitei e fui ao quarto da Fernanda, estava acordadíssima e com um fogo.

Nos beijamos, nos chupamos, mas fizemos amor em silêncio, para não sermos escutados. Fernanda estava num atraso que quase me exauriu. Depois de 2 fodas ela me contou que teve um namorado por dias, que fez de tudo para sair com ela, e quando ela aceitou o cara comeu seu cu virgem e sumiu. Ela me mostrou o KY Gel, me pediu para passarem seu cu que estava arrombado. Nem se notava, ela me pediu anal, fui aos poucos, ela segurava os gritos , mas pedia para não parar, e entrou tudo nela, meu pau sumiu no cu de minha filha, comecei a socar e ela a se masturbar e logo gozamos juntos, era meu 1º sexo anal com minha filha, já amanhecia quando voltei para meu quarto.

Sonia já estava desconfiada do caso meu com a Fernanda, fez perguntas de pegada para Fernanda e percebeu algo no ar. Fernanda não me disse que ela queria saber se já tínhamos nos visto pelados, se não transamos, e se eu seria contra a intimidade delas. E ainda faria uma surpresa para Fernanda um dia!
-Amor! sua filha está louca para nos ver transando, você deixa?
Eu adoraria isso, mas tinha de fazer de difícil; ela tanto falou que acabei aceitando, mas combinei coisas com a Fernanda antes e ela topou!
Eram 01h do sábado para domingo quanto em nosso quarto estávamos Eu, minha esposa Sonia e minha filha Fernanda. Dado momento Fernanda se levantou e beijou longamente a Sonia, enquanto eu tirava a roupa das 2, aquilo virou chupadas, 69 e a briga de aranhas, até eu interromper dando um beijo em Sonia e começar a foder sua boceta na frente da minha filha que sorria e se masturbava.

Sônia falou todo tipo de sacanagem enquanto fodia sua boceta, mas não vou publicar, até eu gozar dentro dela, nisso ela chama minha filha para chupar meu pau, e ela veio me deixando louco de tesão e enquanto Fernanda me chupava Sonia dizia para mim:
-Está vendo amor! É gostoso ter uma filhinha chupando sua rola? Eu chupava a do meu pai assim! Vê? Ela é uma mulher como outras, foda essa mulher amor, quero ver você fodendo sua filha!
Eu prontamente meti meu pau na boceta da Fernanda e agimos como se fosse a 1ª vez, Sônia se masturbava em ver seu marido fodendo a própria filha, e quando gozei dentro da Fernandinha ela foi ao delírio, nos beijando e dizendo:
-Esse é um segredo para ficar só entre nós 3!

Nunca mais precisei ir ao quarto de minha filha para foder sua boceta ou cu, ela vinha ao nosso e isso durou até Fernanda resolver casar com o Ronnie.

Fernanda, seguindo os mesmos princípios de ter um relacionamento totalmente honesto,achou que era hora de Ronnie, que parecia ser confiável, saber de toda a verdade.
Vou relembrar que minha esposa Sônia, além de amiga super íntima de minha filha, foi namorada de Ronnie no tempo em que ele ainda estava casado no papel com uma ordinária, e Sonia contou a ele que transava com seu pai(ele aceitou numa boa) agora ele iria saber que sua noiva, minha filha, também transava com o pai!
Que sina!
Duas namoradas qu ele estava a fim de casar e as 2 tinham os pais como parceiros sexuais. Eu sabia que ele amava a Fernanda, mas percebia que ainda tinha uma “quedinha por Sonia; como será que agiria? E Fernanda contou tudo a ele, inclusive que as 2 iam muito além de madrasta, amigas e confidentes.

-Ronnie! Você tem desejo em transar c/ a Sônia ainda?

-Só curiosidade, se você é melhor e só teve seu pai, ela deve ter melhorado… no sexo, mas agora o assunto principal, você e seu pai! Quando a Sonia me contou sobre ela com o pai, eu me surpreendi, mas lembrei que tinha comido uma prima.
Ela deu um longo beijo nele, e disse para irem ao quarto “comemorarem o noivado”, Mas uma coisa me deixou com ciúmes, além dele foder minha filha, ele ainda queria foder minha esposa Sonia, sua antiga namorada-amante… levantei pouco depois, e fui ao meu quarto, e ao passar pela porta do quarto de Fernanda ouvi que já estavam começando a transa, ouvia minha filha-amante pedir para ele chupar mais, fiquei de pau duro, e fui procurar a Sônia e encontrei-a na cozinha:
-Sônia!!Preciso falar com você!
-O que é amor!
-Minha filha está transando no quarto, e com o seu namorado Sônia!

-Nossa filha está transando com o meu ex-namorado! Acho que é isso, não é?

-Obrigado pela “nossa filha”! Mas seu ex, não é tão ex assim, ele disse para a Fernanda sobre você: “as vezes ela ainda me dá tesão, confesso que transaria com ela se tivesse chance! Ela deve ter melhorado no sexo”. Ele ainda está sentindo vontade de te comer! Você transaria com ele?
-Para não mentir, se ele me cantasse e houvesse consentimento dos 4 envolvidos, transaria sim! Gostaria de sentir ele dentro de mim e saber se melhorou…
-Agradeço a sinceridade…
Nos beijamos, ficamos tesudos com as revelações, e fomos para o quarto; ao passarmos pelo quarto de Fernanda, Sônia parou para escutar pela porta e ouvimos:
-Vai pai me fode mais, mais…
-Ah! SONIA! A quanto tempo queria meter de novo em sua boceta! Você melhorou SONINHA… o Rodrigo te ensinou bem!

Eles estavam fantasiando serem eu e a Sônia, e Sonia ficou excitada com isso, entramos no quarto e transamos, com ela me chamando de Ronnie e entrei na brincadeira chamando ela de…Sonia mesmo! Eu sabia que mais cedo ou mais tarde, minha esposa acabaria dando pro Ronnie, só restava saber quando.

Dormimos fazendo sexo, e eu sonhei que Sonia dava pro meu genro e eu acordei de pau duro, parecia que aquilo me excitava.
Dias depois chegou minha filha após o meio da tarde, como trabalho em casa, estava lá, só eu, Sonia foi ao Super mercado e minha filha disse que Ronnie estava no trabalho na cidade vizinha, e num momento ao nos olharmos, nos beijamos e a levei no colo até seu antigo quarto, ela se despiu numa rapidez, e ainda me ajudou em tirar o resto da roupa me perguntando:
-Sonia saiu há muito tempo? A que horas ela volta?
-Já saiu há mais de uma hora, e deve voltar a qualquer hora!
-Não faz mal se ela nos pegar, ela participa, se eu sair antes, não conte pra ela que estive aqui!
E começou com aquele boquete maravilhoso e sem preliminares começamos a fazer amor…
-Ah! Que saudades pai! Saudades de sentir esse pintão em minha boceta, enfia de uma vez!
-Também estou com muita saudades de meter em você, mas sua bocetinha está mais apertada, não dá pra enfiar de uma vez e olha q você está bem molhadinha!

A Colcha tinha lavado, secado e já estava de novo na cama! Dá pra calcular quanto tempo essa minha possível traidora demorou além do previsto, e outra coisa, a quantidade de coisas q comprou estava a menos; ela chegou me dizendo q tinha algo a me contar mas, tratei de sutilmente ver sinais nela que evidenciassem a traição:
-Amor! agora não, estou muito suada, vou tomar um banho!
Assim q ela entrou no banho fui olhar e seu celular e cheirei meu dedo, não tinha cheiro de latex(camisinha)nem de porra, mas em seu celular encontrei: ela tinha ligado p/ o Ronnie e demoraram 45 minutos no telefone, nessa hora me ligou minha filha no meu celular que estava no silencioso e disse:
-Pai! pode falar?
-Posso! ela quis tomar banho…AÍ CONTEI TUDO QUE DESCOBRI..
-Caramba pai! Ele foi tomar banho também, e descobri muito esperma em sua cueca,um mínimo na calça, e no celular ela ligou pra ele e conversaram por 45 minutos. Então esses safados estão nos traindo! Por que telefonar quando não estamos perto, e pra que? E tudo leva a crer se não transaram ela fez um boquete nele e ele chupou ela! ah! ele falou q tinha novidades para me falar! Não vamos mais contar nada que fazemos a eles, e você devia transar com outras, e eu com outros e só nós sabermos, chifre trocado não dói!

Desligamos, e pouco depois sai a Sonia do banho, se veste e vem a sala falar comigo:
-Amor! Antes de fazermos qualquer coisa preciso te contar algo..
-O que foi!
-Eu te trai Rodrigo! Fui boba e nem me lembrei de falar antes q acontecesse.
-Lembre! Por pior que seja, sempre a verdade!
-Não vou mentir, nem te esconder nada….bom! Quando sai daqui pra fazer compras lembrei do comentário do Ronnie a meu respeito, e me deu tesão…Fui de carro até o estacionamento do super mercado e telefonei pra ele, eu ia usar como desculpa, convidar os 2 para passarem o dia conosco, mas depois que ele fez um comentário que eu estava uma delícia, a conversa descambou, e perguntei se ainda me achava gostosa; ele disse que sim e a coisa ficou mais quente e o resto você pode imaginar né. les farão o mesmo, depois deixar rolar a se der certo fazermos a troca, eu Isso é traição, não foi?
-Bem…., foi e não foi; foi porque você telefonou pra ele sem necessidade, você queria falar a sós com ele, já pensou se ele te convidasse para um motel?

-E agora? Vamos fazer o que? Ele sem dúvida está a fim de transar comigo, e eu, não vou mentir, fiquei com vontade de transar com ele de novo!
Eu coloquei uma pitada de bom humor na situação:
-Quer dizer que meu genro vai comer a sogra? Ou seria minha esposa vai dar para o marido de minha filha?hehehe…Vamos combinar em passar o dia com eles no sábado; lá estarão só eles e aqui estarão meus outros filhos. Então telefone para a Fernanda e combine para passarmos o dia lá!
-E como vamos fazer para realizarmos a “sacanagem”?
-Deixe rolar que a coisa aflora, você vai ver!

Eram 11 horas e iríamos almoçar as 13 horas, assistimos a um filme do tipo erótico soft, e após isso fomos almoçar, tomamos vinho, comemos a sobremesa e ainda depois do café conversamos sobre nossos pontos em comum, e acabamos indo a sala, onde Fernanda colocou um filme mais forte sobre um casal swinger, como o combinado Sônia sentou-se em meu colo, e começou a olhar provocantemente a Ronnie enquanto se esfregava em meu pau e me deu aquele beijo arrasador, eu passava a mão nela, nas coxas as deixando mais a mostra para Ronnie, ai que percebi que ela optou em ir sem calcinha, ela atravessada em meu colo e nos beijando, deixavam suas coxas nuas até a cintura e minha outra mão já abria o seu decote e acariciava seus bicos.

-Amor! Já estou super tesuda, posso me juntar a eles?
-Vai amor! o seduza bem, ele vai ver como vc está melhor no sexo, porque eu a fiz assim!
Ronnie mandava vara em minha filha, e Sonia o abraçou por trás, esfregou seus seios nas costas dele, depois a xoxota, foi p/ a frente colocando a boceta na boca de minha filha, enquanto, ora se beijavam e ora tinha seus seios chupados pelo seu genro-amante, minha filha tirou o pau do marido de sua boceta, o ajeitou na xoxota de sua amiga-namorada-madrasta e Ronnie a penetrou, e fodia Sonia com tanta vontade e minha filha ajudando q era lindo de ver, Sonia não se conteve nem quis fingir recato, preferiu se liberar de tudo dizendo:
-Ai Ronnie! que saudades desse pau em mim! Me fode querido! Não precisamos esconder nada, eu quero você todo em mim!
-Soninha! Vou fazer valer a pena o tempo que ficamos sem transar! Quero essa boceta engolindo meu pau inteiro! Quer ser minha putinha hoje?
-Eu já sou sua puta, sua cadela! Que delícia, e a gente perdendo tempo pelo telefone! Assim..soca, enfia tudo!Que gostoso…
Com cara de safada e de gozo Sonia me olhava e me mandava um beijo e deu pra ouvir quando ela disse baixinho pra mim: “Obrigada por ser o homem que amo! Obrigada por deixar transar com o Ronnie!”

Se há poucos anos, alguém me falasse que seria amante de minha filha, que me casaria com uma amiga dela com a mesma idade, e que o ex amante-namorado de minha esposa casaria com minha filha, e ainda meteria em minha esposa em minha frente, acharia que a pessoa era louca, tarada ou de imaginação exageradamente distorcida. Peguei na minha adorável Fernanda a fim de aproveitar aquele tesão, ao que ela deliciosamente maliciosa e brincalhona me disse:
-Até que enfim papy! Estava tão admirado de ver sua mulher sendo fodida, que pensei que tinha se esquecido de mim!
-Nunca Fernandinha! Você é o meu maior amor! E essa bocetinha que gosto de meter vai receber minha visitinha!
Atolei a vara na Fernanda de uma só vez, ela gritou, e começou a pedir mais, ela realmente sabia mais sobre como fazer sexo que a Sonia, mas Sonia melhorou muito e a prova disso rolava a meu lado!

Ronnie e Sonia, pararam um pouco e ficaram nos observando, eles constataram que eu e minha Fernandinha éramos insaciáveis no sexo, e Fernanda estava com novos truques que os deixou atônitos, ela praticou pompoarismo, e seus movimentos internos vaginais deixavam qualquer homem louco. Eu e a Fernanda gemiamos, falávamos obscenidades, frases incestuosas. Até que ela pediu:
-Papy! Mais rápido, goze comigo, eu quero que goze dentro de mim! aiiii…que delícia de foda! aaaaa…. que loucura gostosa!
Eu gozei dentro dela sob os olhares de Sônia(q já tinha visto isso muitas vezes) e Ronnie que presenciou pela 1ª vez na vida aquilo que tanto queria ver um pai gozar dentro de sua filha, que gozou de prazer. Eu ví em seus olhos umedecidos uma lágrima de felicidade, enquanto Sonia caia de boca para lamber a boceta de Fernanda, Ronnie a penetrou por trás e começou a meter forte e com vontade, eu ajudava deitado chupando os seios dela que balançavam, e de lá tinha a visão da rola de Ronnie entrando e saindo da boceta de minha esposa, que começou a falar:

-Era isso que eu queria! Me fode meu tesão, eu queria que meu marido visse a putinha dele ser a puta de outro macho! Mete Ronnie!
Fernanda oferecia sua boceta pro Ronnie lamber o que sobrou de minha porra e seu delicioso melzinho e ele a lambia sem ligar para moralismos, e Sonia me pediu:
-Amor! Chupa meu clitóris enquanto ele enfia em minha boceta! Ele está lambendo a xana da Fernanda com sua porra, você não vai lamber o pau dele, vai! Lambe meu grelinho! Era uma ordem que parecia hipnótica, lambia o grelo de Sônia enquanto o caralho de Ronnie que a penetrava passava a milimetros de meu rosto, e Sônia pegou fogo:

-Meus 2 homens me façam gozar! Mais rápido em tudo! vai amor, me fode, vai amor me lambe!
Deu para sentir em seu clitóris quando ela gozou e Ronnie também, a porra que ele descarregou dentro dela foi tanta que escapou e escorreu em meu lábio, sai, a beijei e limpei meus lábios. Paramos para descansar e conversar, Ronnie e Sonia me agradecendo por permitir que eles voltassem a transar(isso significava que queriam mais vezes). Minha filha, foi até meu pau e o chupou e quando estava duro pediu para eu comer a Sonia de 4 enquanto, chupava a pica de seu marido que chupava o grelo de Sônia, com meu pau esbarrando nele muitas vezes, e quando íamos gozar, a putinha da Fernanda me deu a xoxota pra eu chupar, nem lembrei que outro pau esteve ali a pouco. Senti a linguá de Ronnie lamber meu pinto quando Sonia fez um movimento inesperado, ela queria uma DP!
Eu fiquei por baixo fodendo sua boceta enquanto meu genro agora também era dono do cu de minha esposa, e fizemos o que parecia impossível, uma DP com gozo simultâneo dos 4, pois eu chupava a xoxota da filhinha e ela gozou em minha boca.
Novamente descansamos, e fomos tomar um lanche, era para voltarmos pra casa, mas por insistência dos 3 íamos dormir lá, (eu também queria, mas tinha dúvida se era melhor os 4 juntos, cada um com sua esposa, ou esposas trocadas. Eu estava com vontade de transar mais com a Fernanda e Sonia queria foder mais com o Ronnie então eu consenti).

Tomamos um banho os 4 antes de nos recolhermos para “dormir” e pelo nosso acordo minha esposa Sônia e meu genro Ronnie passariam a noite juntos, sem limites para fazer no quarto maior, e eu, Rodrigo e minha filha Fernanda ficaríamos juntos no quarto menor, mas todos de portas abertas, caso alguém desejasse mais alguém.
Todos dormimos nus e logo todos estavam transando, eram gemidos, respiradas fortes, gozos durante quase toda a noite. Notei que Fernanda estava cansada e deixei-a dormir ficando em conchinha com ela, enquanto escutava a voz de minha esposa que parecia insaciável, gemidos, gozos, chupadas, eles estavam matando a saudades, mas aquilo me deixava de pau duro, e em certo momento Sonia apareceu na porta, e mesmo com a pouca luz do banheiro acesa, ela viu que Fernanda dormia e fez sinal pra eu acompanhar ela ao quarto, Ela queria outra DP só que dessa vez eu faria o anal.
Para encurtar: Eu e Ronnie fodemos nossa puta até ela cair no sono, Ronnie dormiu e eu fui para o quarto onde estava Fernanda, linda, perfeita, ao deitar ela acordou confusa e disse:
-É você Ronnie?
-Não amorzinho é o papy!
Ela se virou me deu um longo beijo, dizendo:
– Ufa!, ainda bem ! Me fode de ladinho até eu dormir….
Comecei e quando gozei, ela estava dormindo, e eu devo ter dormido em seguida.

EPÍLOGO:
Era domingo de manhã, e precisávamos voltar pra casa, ao nos despedirmos, exceto entre os homens, todos nos despedimos com beijos na boca!
Voltei abraçado com Sonia como namorados, e ela me agradeceu pela noite que teve com Ronnie, mas por mais esforço que ela fizesse, gostava dele, gostou de fazer sexo com ele, e deixou claro que faria de novo, mas me amava, e se eu quisesse, ela deixaria de ser amante dele(agora era amante oficial).
Disse a ela:
A gente deixa o barco correr…., mas pensava era na Fernanda, enquanto Ronnie fodesse minha esposa, não colocaria obstáculos em eu fazer amor com a Fernanda; a vida estava boa, mas até quando seria possível viver nessa vida? Em breve trarei mais conto de incesto pra vocês aqui do site.

fotos de orgia gostosa 1

fotos de orgia gostosa 2

fotos de orgia gostosa 3

fotos de orgia gostosa 4

fotos de orgia gostosa 5

fotos de orgia gostosa 6

Relacionados

Deixe seu comentário

O Maior, Melhor e rápido site de FOTOS AMADORAS do Mundo! Selecionamos sempre as melhores fotos amadoras de mulheres nuas da atualidade. Contos eróticos, fotos de novinhas, fotos de casadas, quadrinhos eroticos, quadrinhos porno e fotos de coroas gostosas sempre selecionadas a dedo. Para quem curte contos eróticos com fotos, fotos de amadoras gostosas, mulheres peladas e várias outras gostosas, temos sempre o melhor conteúdo atualizado diariamente! Baixe fotos de gostosas, fotos de casais, imagens de sexo, quadrinhos porno, animes pornos, fotos porno e muito mais aqui em nosso site! Buscamos sempre o melhor conteúdo para que nossos usuários possam desfrutarem sempre de algo com qualidade e melhor de tudo, é Grátis! Sabemos que um grande números de pessoas pesquisam todos os dias na internet por fotos grátis, contos erotico, e quadrinhos de sexo e muito mais. Navegue a vontade por nossas categorias porno e favorite o site para acompanharem sempre nossas atualizações diárias.


© 2018 - Fotos Amadoras – Fotos De Sexo Caseiro – Fotos De Novinhas – Contos Eroticos